Para que serve um site para um negócio?

Para que serve um site para uma empresa em um mundo onde as redes sociais parecem dominar os negócios? Preste atenção na palavra que usamos: “parecem”. Escolhemos essa palavra porque, na verdade, elas não dominam. 

Não estamos desmerecendo as redes sociais. Elas são ótimos canais para gerar tráfego e engajamento para o seu negócio, mas não são os únicos. Os sites, ao contrário do que muita gente pode pensar, ainda são ferramentas que ajudam a expandir e a gerar autoridade para a sua marca.

“Mas o que isso significa?”, você deve estar se perguntando. Como um site pode fazer a minha marca crescer e me fazer vender mais? É o que vamos te responder neste artigo ao te apresentar 3 motivos para você entender para que serve um site.

Para que serve um site se não ser encontrado no Google?

Pense com a gente: quando você busca por uma academia na sua região, onde você faz a busca? No Instagram? Twitter? Ou no Facebook. Até pode ser. Mas, geralmente, você abre o navegador do seu celular ou do seu computador e faz uma busca na internet. É só escrever “academia na zona sul de São Paulo” no Google e ter os resultados.

O Google é o número 1 em buscas na internet. É o site onde as pessoas mais buscam soluções, produtos e serviços. Se você tem um negócio e quer que as pessoas comprem de você, é essencial que a sua marca apareça nos resultados de quem pesquisa pelo seu produto ou serviço.

Como ter um site vai ajudar no seu segmento?

As pessoas buscam na internet soluções, formas para resolver seus problemas ou como fazer determinada coisa da maneira certa. Saber disso é essencial para seguirmos para o próximo tópico: o Inbound Marketing.

O Inbound Marketing é um compilado de ações de marketing que visa atrair, converter e reter um público-alvo. É uma estratégia que engloba marketing de conteúdo, SEO (Search Engine Optimization) e redes sociais. Se você não sabe o que é SEO, clique aqui e leia mais sobre essa estratégia.

O importante é entender o principal foco do inbound marketing. E a resposta é relativamente simples: oferecer soluções para um público específico e se comunicar com ele.

Não à toa, o Inbound Marketing é chamado de Marketing de Atração. Ele tem esse poder de trazer o público para perto da marca por focar em responder suas dúvidas e solucionar seus problemas. O objetivo continua sendo vender, mas não da forma que o marketing tradicional costuma fazer.

Ok. Mas para que serve um site dentro de uma estratégia de inbound marketing?

Para que serve um site na estratégia de inbound marketing?

A resposta é até óbvia. É através do site que uma marca poderá praticar o Marketing de Atração e trazer novos clientes.

Por exemplo, você pode ter um blog em seu site onde responderá as dúvidas mais frequentes do seu nicho. Sites como answerthepublic.com são ótimas ferramentas para te ajudar a encontrar as principais dúvidas dos seus clientes.

Se você tem uma marca de cosméticos, invista em escrever artigos sobre como cuidar da pele em dias secos ou como passar determinado produto da forma certa, por exemplo. Ao longo do texto, você pode inserir links que levam o leitor até seus produtos.

Você também deve pensar em escrever os artigos de tal forma que seja mais fácil de as pessoas encontrarem o seu site. É aí que entram as estratégias de SEO. Pense em palavras-chave, frases simples que remetem ao que a sua marca oferece e ao que o seu cliente busca. Alinhando essas estratégias com redes sociais, você ajuda o seu possível cliente, cria autoridade e abre uma porta para ele querer algo de você.

Que tal ter um site para vender mais?

Para que serve um site se não te ajudar a vender mais? Até agora, esse é o principal objetivo do seu investimento numa página na web. Um site pode te ajudar a vender mais, e aqui não estamos falando sobre e-commerce. É claro que uma página de uma marca pode conter um shopping on-line. Mas, quando falamos do site como um canal de vendas, queremos dizer que ele precisa ser estruturado para levar o usuário a fechar uma venda.

E o que muita gente não sabe é que existem medidas simples que podem ajudar a marca a vender mais.  

A primeira coisa que você pode fazer é colocar um título bem chamativo no topo da página para que você atraia a atenção do leitor antes que ele vá embora. Você também pode distribuir CTAs (Call to Actions) pelo seu site, levando o usuário para algum formulário ou ponto de contato.

Outro elemento que você pode inserir é o chatbot. O que é legal do chatbot é que ele automatiza o contato, tira as primeiras dúvidas e leva o cliente já quente para um atendimento humano.

E aí? Entendeu por que é importante que o seu negócio tenha uma página própria?

agendar diagnostico gratuito do site